Pautas prioritárias do Governo Bolsonaro pretendem aprofundar crise social e econômica no país

A portaria publicada pela Casa Civil na última semana evidencia que, por mais um ano, a prioridade do governo federal será o ataque aos serviços públicos e às minorias, a destruição dos recursos naturais e o fomento à compra de armas. Jair Bolsonaro pretende terminar o ano cumprindo suas promessas de campanha, nada para as minorias, mais armas nas ruas e menos escolas. A sinalização do Palácio do Planalto sobre suas prioridades para o ano de 2022 confirmam as previsões de que ...

Continue lendo...

Protestos de servidores/as federais marcaram o Dia Nacional de Luta nesta terça (18)

Nesta terça (18), foi realizado um Dia Nacional de Luta, Mobilização e Paralisação, com atos em Brasília e nos estados, promovidos por diversas entidades representativas das servidoras e dos servidores públicos federais. As mobilizações fazem parte do calendário de mobilizações para a construção da greve do funcionalismo reunido no Fórum das Entidades Nacionais dos Servidores Públicos Federais (Fonasefe).Diante das constantes ameaças de mais retrocessos na oferta de ...

Continue lendo...

Jornada de lutas para barrar a aprovação da Reforma Administrativa entra na última semana de protestos

Os ataques do governo Bolsonaro aos serviços públicos ao longo dos últimos anos evidenciam o caráter desumano dessa gestão. Em todas as áreas, instituições públicas foram prejudicadas e, consequentemente, o acesso da população aos serviços vem sendo cada vez mais comprometido, gerando consequências a curto, médio e longo prazos para a qualidade de vida em território nacional.Os efeitos Bolsonaro nas instituições públicas apontam para uma redução drástica da qualidade ...

Continue lendo...

Semana Nacional de Luta em Defesa da Educação Pública e Contra os Cortes será realizada em Brasília

A proximidade com o término de 2021 que costuma ser o momento de aprovação de pautas bombas no Congresso Nacional, demanda a intensificação dos protestos em Brasília contra a aprovação da Proposta de Emenda Complementar (PEC) 32. Para compor a luta em defesa das instituições públicas, o Sindicato Nacional realizará a Semana Nacional de Luta de 06 a 10 de dezembro, com o tema Em Defesa da Educação Pública e Contra os Cortes, discutindo a importância da recomposição ...

Continue lendo...

Servidores continuam agendas de protestos contra a PEC 32

Não haverá trégua! Servidores públicos de todo o país iniciam a semana com mais mobilização contra a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 32. Nesta terça-feira (23), às 7h, a categoria voltou ao Aeroporto de Brasília para cobrar dos deputados federais posição contrária à PEC que representa o fim dos serviços públicos. Às 11h, um ato público em frente ao Ministério da Economia marcou a defesa da Ciência e Tecnologia e, às 14h, um protesto foi realizado em frente ...

Continue lendo...

Coordenação Nacional aprova 20 de novembro como dia de luta por Fora Bolsonaro e Mourão

Reunida entre os dias e 5 e 7 de novembro, de forma online, a Coordenação Nacional da CSP-CONLUTAS discutiu a situação enfrentada pelos trabalhadores no país, as lutas por territórios urbanos e rurais e dos povos originários e as mobilizações contra as opressões, a criminalização e perseguição de movimentos e lideranças, o machismo e o racismo. Sarah Rios, integrante do Conselho Fiscal da Adufs, esteve presente às discussões. Os participantes aprovaram o 20 de ...

Continue lendo...

Mobilizações contra a Reforma Administrativa continuam nesta semana

Não haverá trégua contra a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 32! Incansáveis na luta, servidores públicos de todo o país entram na oitava semana de protestos, que começaram nesta quarta-feira (3), com ato público no aeroporto de Brasília para pressionar parlamentares a se posicionarem contrários à Reforma Administrativa, e seguem nesta tarde, no anexo II da Câmara dos Deputados, onde haverá uma vigília. As mobilizações continuarão quinta-feira (4), no Espaço do ...

Continue lendo...

Jornada de Lutas em Brasília continua pela sexta semana para barrar aprovação da PEC 32

Pela sexta semana, servidores e servidoras federais, estaduais e municipais seguem mobilizados em Brasília na luta para barrar a aprovação da PEC 32. O governo segue desesperado para pautar a votação que tem sido adiada por conta da pressão feita por centrais sindicais, servidores/as e organizações de todo o país. Na última sexta (22), em reunião entre os líderes da minoria da Câmara dos Deputados e representantes dos movimentos sociais, foi reforçada a importância da ...

Continue lendo...

Servidores continuam a mobilização contra a votação da Reforma Administrativa

Esta semana é de novamente demarcar a luta nos estados e no Distrito Federal contra a Proposta de Emenda à Constituição (PEC 32), também conhecida como Reforma Administrativa. O presidente da Câmara dos Deputados, Artur Lira (PP-AL), deve voltar a se articular para incluir a matéria na pauta do plenário. Já foi divulgado por alguns veículos de comunicação que a equipe econômica do governo Bolsonaro foi comunicada sobre a necessidade de negociar a liberação de emendas ...

Continue lendo...

Diretoria da Adufs participa de audiência pública na Câmara de Vereadores

Convidada pela Comissão Permanente da Educação e Cultura da Câmara de Vereadores de Feira de Santana, a Adufs, através do diretor Elson Moura, participou da Audiência Pública sobre os "Impactos da Reforma Administrativa (PEC 32/20) na Carreira dos Servidores Públicos", na última sexta-feira (1°). Após agradecer ao convite, o diretor destacou a relevância de discutir a pauta, diante dos reflexos negativos da reforma não somente no serviço público, mas na vida de toda a ...

Continue lendo...

Pressão dos trabalhadores enfraquece articulação do governo para aprovar a Reforma Administrativa

A mobilização dos servidores públicos e de outras categorias de trabalhadores, em Brasília, contra a Proposta de Emenda Constitucional 32 (PEC) estremeceu deputados federais, e as dissidências em torno da proposta jogou por terra a articulação do presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), para aprová-la. Temerosa em não conseguir os 308 votos das 513 cadeiras da Casa para a aprovação da pauta, a base aliada do governo Bolsonaro retirou-a do plenário, na quinta-feira (6). ...

Continue lendo...

Pressão dos trabalhadores enfraquece articulação do governo para aprovar a Reforma Administrativa

A mobilização dos servidores públicos e de outras categorias de trabalhadores, em Brasília, contra a Proposta de Emenda Constitucional 32 (PEC) estremeceu deputados federais, e as dissidências em torno da proposta jogou por terra a articulação do presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), para aprová-la. Temerosa em não conseguir os 308 votos das 513 cadeiras da Casa para a aprovação da pauta, a base aliada do governo Bolsonaro retirou-a do plenário, na quinta-feira (6). ...

Continue lendo...