Notícias

ANDES-SN

Diante da intransigência dos reitores, greve das estaduais paulistas continua

12-06-2018 às 11h23

Adusp-SSind
Protesto condenou a ação dos reitores
Protesto condenou a ação dos reitores

Em reunião realizada em São Paulo, no dia 7 de junho, o Conselho dos Reitores das Universidades Estaduais Paulistas (Cruesp) manteve a proposta de reajuste salarial de 1,5% para os docentes e servidores técnicos da Universidade de São Paulo (USP), da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) e da Universidade Estadual de São Paulo (Unesp). As categorias reivindicam reajuste de 12,66% para USP e Unicamp e de 16,04% para Unesp. Os docentes da USP e da Unesp estão em greve, e os da Unicamp mobilizados na luta por direitos.

Os docentes da Unicamp realizam nova assembleia nesta terça (12), os da USP na próxima quinta (14) e os da Unesp no dia 15 deste. Na segunda-feira (11), os servidores de USP, Unicamp e Unesp realizaram assembleias e deliberaram manter as respectivas greves.

Os servidores técnico-administrativos das três universidades já estão em greve, assim como os docentes da USP e Unesp. As categorias reivindicam um aumento de 12,66% na USP e Unicamp e de 16,04% na Unesp para recompor as perdas salariais ocorridas desde maio de 2015. Estudantes de algumas unidades da USP e Unesp também já estão paralisando as atividades, adicionando ao movimento a reivindicação por mais verbas para a permanência estudantil.

Fonte: ANDES-SN, com edição.


Compartilhe esta notícia:


Leia Também:

Total de Visitantes
1244568
Usuários Online
39
Avenida Transnordestina, MT 45, Novo Horizonte
Campus Universitário - UEFS CEP 44036-900
Feira de Santana - Bahia | Tels: (75) 3161-8072 / 3224-3368.
E-mail: adufs@uefs.br / adufsba@yahoo.com.br
Desenvolvido po Tacitus Tecnologia
Todos os direitos reservados © 2018 - ADUFS
Home Filie-se a ADUFS Contato